mauricio de souza

É lindo ver a evolução da humanidade na era da tecnologia, das ciências avançadas, da Nanotecnologia, da contribuição da Metafisica, das diferentes pesquisas e descobertas em torno da Cura das doenças e sua prevenção. Graças a inteligência humana direcionada é permitido a construção de formas de vida melhorada. Isso é fabuloso para o mundo moderno.

O que me assusta e me faz persistir na jornada, é a leitura humana no que diz respeito ao ato de “falhar”, seguido do velho ditado: – Errar é humano! Não se preocupe!  Daí eu pergunto: Quantos de nós tolera a falha humana? Quantos de nós se permite  falhar, errar, olhar a frente e caminhar! A grande sacada é: E agora, o que é que eu faço com tudo isso?

Não nos é permitido mais chorar, ficar triste, ficar quieto, reservado. Pedir perdão também tornou-se hábito dos fracos. E já vem você de novo com essa estória de perdão?  Incrível como uma virtude – PERDÃO – tornou-se pano de fundo para quem nunca muda.

Como que se houvessem receitas prévias para as emoções – isso pode, aquilo não pode, agora não, deixa pra depois…como que se o ser humano fosse uma máquina de botões coloridos, para cada situação aperte uma determinada cor. E pronto. Tudo resolvido.

A era das descoberta e da tecnologia é uma vitória para todos nós, mas não se esqueça: SOMOS GENTE! Podemos cair e levantar. Podemos lançar um olhar diferente diante dos fatos. Um olhar a mais, com sabedoria. Uma nova oportunidade de simplesmente – SER! Olhar para os erros da mesma forma com que brincávamos quando marcávamos os 7 erros nos gibis do Mauricio de Souza. Um novo olhar!

Ótimo dia! Beijo carinhoso!

Silvana Cammarano

images

Há menos de 9 meses tenho conhecido e reconhecido pessoas. Estou surpresa com novos amigos que venho conquistado e que a vida tem me presenteado em tão pouco tempo. Pessoas do bem. Pessoas de tamanho conhecimento. Pessoas estas que doam seu precioso dom, aquilo que elas tem de melhor, gratuitamente! Isso tem me comovido muito e também me levado a doação gratuita, sem querer receber nada em troca. Essas pessoas vem com uma consciência renovada, uma visão de mundo muito além do aqui agora, algo que este período em que estamos vivendo carece. Não tenho dúvidas que este é o momento deste trabalho conjunto, da união de talentos, do trabalho de formigas que impactam grandiosamente na vida de cada um de nós.

Teria vários nomes para colocar aqui, mas não preciso, pois cada um sabe da importância que tem tido em minha vida. Pessoas novas, novos amigos e amigos antigos que resgatamos. E precisamos resgatar, pessoas do bem, que fazem uma diferença enorme, pessoas estas, que também estão sedentas de escuta, de ombros, de pequenas coisas…é isto!

Um ótimo dia para nós. Que estejamos de mente e alma abertas para novos olhares, novos amigos, antigos amigos e um renovado presente!

Eu creio!

Um beijo carinhoso!

Silvana Cammarano

   

Intensidade! amor  

Acredito que sempre há novas possibilidades de mudanças. Uma nova chance! São escolhas diárias – o que falar? conversar? trocar? Qual a intensidade? O amor não acabou! Ele não é Paixão! Aquela paixão desenfreada, que tira você do chão, te faz flutuar…e depois, ah e depois. O vazio pode se instalar.

O amor é conquistado ao longo da convivência. O erotismo e o romantismo precisam ser retomados durante a jornada diária! Um lembrando o outro, com sutilezas, respeito, estando presente de corpo e alma. A presença, quando apenas física, é pequena demais para fazer a roda do amor girar e produzir energia para mais um dia! Ser 8 ou 80 é perigoso para a manutenção do amor. Estas máximas são limitantes. Cegam!

Qual a sua escolha?

Anseio que seja sempre por boas noticias e novas atitudes!

Dias melhores! Amor e Paz!

Amar e mudar! Sempre!

Que venha uma nova semana de ótimas noticias!

Silvana Cammarano

Ação = Energia = Movimento = Vida = Novidades = Saúde = Desejo = Sucesso  

avenida Neste emaranhado em que vivemos, de tanta correria pra chegar onde nem se sabe exatamente, quanto desperdiçamos de Energia em todas as nossas ações, pensamentos e sentimentos? Estava agora refletindo sobre isso, sobre a importância de estar no aqui e agora em tudo o que eu realizo.  E isto é responsabilidade de cada um de nós, ninguém vai fazer por nós. Quando você direciona sua energia, seu potencial criativo, crenças, conhece a fundo o seu talento, e olha qualquer talento, principalmente aquele que você menospreza, que você julga pequeno, você tem condições de realizar muitas coisas e com emoção!

Fazer o que você ama, servir com emoção, prazer e Foco é viver no Presente, exatamente no Presente. Se meu pensamento escorrega no passado, em situações de medo, fracasso, raiva, o corpo sente exatamente o que você sentiu naquele momento. O corpo sofre! A alma sofre! E pra quê desperdiçar energia nisso? Ganho algo com isso? Ao contrário, se meu pensamento está no futuro, se antecipo a vivencia daquilo que ainda não aconteceu, daí rapidamente meu corpo sofre com o medo e ansiedade. Tenho certeza que você está entendendo bem o que lê neste exato momento.

O prazer nas pequenas coisas – ouvir uma música, ler uma mensagem de paz, caminhar, nadar, comer alimentos nutritivos, assistir um vídeo, olhar uma paisagem repleta de flores, etc…etc…etc… –  fazer aquilo que eu gosto o que me deixa feliz todos os dias, traz energia às minhas atividades diversas e daí, no fim da jornada, não estarei com aquela sensação de ter carregado nos ombros 1 saco de 50 K  de batatas…

Viva e participe do real, a ilusão te fará sofrer!

Ponto por Ponto, você chega!

Silvana Cammarano

 

638 Começou a semana. Qual é a sua meta para esta semana? O que você deseja fazer de melhor para você e por você? Quais resultados quer obter? Quem, além de você, se beneficiará com isto? O que você, só você, pode fazer para chegar nesta meta com louvor? Defina-a objetivamente, comprometa-se 100% com o resultado que você deseja. Escreva num papel 3 atitudes para alcançá-la. Qualquer meta! As mais simples, aquelas que julgamos desnecessárias, são as que geram maior impacto em nosso dia a dia. Exemplos: contatar 5 clientes novos, almoçar pelo menos 3 vezes na semana com pessoas novas, dedicar 1 hora de qualidade brincando com meus filhos, ser mais paciente com minha equipe, cozinhar 2 x na semana para minha família, falar com segurança na reunião mensal do setor ao qual pertenço, não irritar-me com a chefia…e por ai vai! Próximo passo é elencar 3 atitudes, ações, que você vai realizar todos os dias, que fará a diferença no alcance de sua meta. Você também pode escolher uma atitude por dia e comprometer-se com ela.No dia seguinte, escolha outra, foque nela e sinta os resultados. Comemore ao atingir. Comemore mesmo se for com um copo d’água! Comemore! Eu já tracei minha meta desta semana, abaixo estão minhas atitudes! 646   Sucesso para todos nós!   Silvana Cammarano  

SUCESSO

Diga-me: Quantas vezes você foi até uma loja de sapatos para adquirir um par destes e ficou esperando até que os vendedores terminassem sua conversa e voltasse a atenção para você? Você já foi ao banco sedento por uma informação e visualizou os funcionários conversarem entre si e até abaixarem a cabeça fingindo que não te viam? E num restaurante? Você entrou, sentou-se a mesa e pacientemente esperou enquanto o garçom fez tudo, menos perguntar qual era o seu pedido….Você mesmo pode enumerar muitos outros exemplos diários em que somos surpreendidos pela falta de vontade em servir, não é mesmo? Sabe o que você faria numa destas situações mencionadas acima? Eu sei. Você vai investir seu dinheiro em outro local! Você, com certeza, não voltaria mais em um destes estabelecimentos. Mais um cliente foi levado com a enxurrada de má vontade, sem contar no boca a boca que será responsável pela multiplicação sábia do descontentamento levando mais e mais pessoas a comprar em outros lugares.

Povo de Vendas! O que exatamente vocês desejam para vocês e para seus clientes? O que exatamente seus clientes desejam de vocês? O que vocês podem fazer para se diferenciar no ramo de sua atuação? Cadê a sua marca pessoal? O quê? Você está esperando que a empresa que você trabalha lhe diga o que você tem que fazer? É isso mesmo? A responsabilidade de desenvolver seu potencial e ser um vendedor de sucesso é de quem? Como você se prepara para receber seu cliente? Como você se prepara para visitar seu cliente? Planejar é importante para você? Qual resultado você já obteve quando se planejou? Como você se prepara para surpreender seu cliente?

Precisamos demonstrar superação todos os dias, até porque o número de NÃOS excede o numero de SIM que recebemos diariamente e desanimar neste grande desafio, é perda de tempo para quem almeja o sucesso! Você promete e cumpre? Às vezes não? Ok, então me diga: – o que você faz para minimizar as perdas com seu cliente? Até na sombra você encanta, pense nisso! Você entrega mais do que promete? É possível? O que e como fazer para ter um atendimento nota dez? Vendedor Consultor? Não seria melhor ser provocador? Por onde começar?

Você sabia que:

Somente 7% dos vendedores merecem ser recebidos?  (Fonte: Harvard Business Revew, 138 profissionais de compras em empresas de grande porte setores diversos. Fórum Corp., 2009).

Você já teve a oportunidade de fazer seu SWOT Pessoal? Pode estar certo, ele te ajudará alcançar metas de vendas!

Existem inúmeros desafios para os profissionais de vendas que precisam de renovação, inovação, atitudes e comportamentos diferenciados, habilidades para vender.

Qual é o primeiro passo?

O Coaching pode ajudá-lo a conhecer e identificar princípios, elevar sua performance em diferentes áreas: comunicação, liderança, apresentação, foco no individuo que é seu cliente, aprender a fazer perguntas PODEROSAS e eficazes, resgatar a confiança, fixar metas baseadas em valores e seguir seu futuro na crença de que já deu tudo certo para você, para seu time, sua família, seus amigos e afins; afinal, atingir o sucesso e não ter ninguém para Brindar é pouco demais para quem acreditou, fez e realizou! Vamos partilhar!

Coaching em grupo é uma ótima opção para Pessoas de Vendas que possuem Objetivos em Comum. Podemos formar! O que você acha?

Sempre em frente, vitoriosos!

Silvana Cammarano

VULNERABILIDADE, “eu” preciso dela!       

vidros

Parece-me que a transição entre as diversas fases da visa, cuja característica principal e individual é a consciência madura, é pautada em não importar-se em demonstrar que tenho vulnerabilidades e que são elas que me encorajam a ser alguém buscando o equilíbrio em suas necessidades de vida.

Fases transitórias engendram momentos de transformação na vida. A pessoa reflete sobre seu melhor, sua individualidade, sua forma singular com que sente e é sentida; enxerga e se movimenta no espaço, que a leva a um amadurecimento prévio.

Este processo em busca de si, daquilo que lhe atinge e o faz feliz quando espelhado, vivido e fotografado no mundo, sem sentir-se envergonhado e vulnerável as suas deficiências, falar sobre elas, mostrar o que o deixa na corda bamba; vai refletir no universo que o rodeia, no seu ambiente diário. Será devolvido a sua pessoa, ações, oportunidades milhares, situações que cairão em seu colo justamente para que você desenvolva suas questões pessoais que o afetam e lhe deixa vulnerável.

SEGUNDO, BRENE BROWN, você não pode anestesiar sua vulnerabilidade. Você não pode dizer:  “aqui esta minha parte ruim, eu não quero sentir isso…” você não pode anestesiar sentimentos pesados, porque assim, anestesiamos alegrias, gratidão, felicidade e então ficamos infelizes…

 

Você precisa buscar sentir-se a vontade ao falar de suas fragilidades do momento. É um passo arrojado no desenvolvimento humano. Poucos são os que se arriscam a fazê-lo e quando fazem, voam alto. A sensação é tão aconchegante que não há quem o segure em seu crescimento individual e também grupal.

Quanto custa expor seus limites, suas inseguranças, medos e anseios, suas vergonhas, aquilo que nem você conhece direito?

Alcançar-se próximo a uma identidade e crescer no modo de pensar e agir? Pra que?

Ter a coragem de assumir sua imperfeição e conversar com ela? Olhar para ela antes de olhar para as imperfeições dos outros?  PRA QUE ??????

A resposta é: pra crescer, pra ser feliz e levar a felicidade!

Permita-se ser visto como você é, com suas imperfeições, incapacidades, com seu lado obscuro, aquele que nem você mesmo domina direito, mas sabe que existe. Acredite em você. Seja autentico na sua vulnerabilidade, escute a si mesmo e siga!

PERDOE-SE E SIGA!

© 2014 Silvana Girardi - Coach & Psicóloga