Quebre as regras: Presencial ou Virtual?

Quebre as regras: Presencial ou Virtual?

Eis aí a dúvida de muitas pessoas que me abordam em palestras e também nas redes sociais:

– Sil, quero fazer um trabalho individual com você, mas moro longe, não sei se me adapto ao virtual, não acho que vou conseguir algo novo fazendo um acompanhamento à distância. O que você acha?

Muito bem, antes de falar disso, uma pequena pausa pra refletirmos sobre o tema  “paradigmas”.

O que são paradigmas?

Paradigmas são premissas, ideias, convicções pessoais, que  construímos ao longo da vida, influenciados pelo meio e alicerçado pela interpretação pessoal. Tudo isso foi instalado com sentimento e esse sentir instala o paradigma, ele mora em nosso inconsciente.  Os paradigmas são autorrealizáveis. O que isso quer dizer? Isso quer dizer que se assim você acredita, assim será o resultado que você irá colher. Não dá pra ser diferente! Essas premissas podem ou não ser verdadeiras. Claro, existem paradigmas fortalecedores, que te levam a novos caminhos e ao sucesso. Mas, geralmente, a maioria dos paradigmas são limitadores, te impedem de SER E FAZER o que você é capaz de SER E FAZER. Eles impedem as pessoas de realizar tudo o que elas merecem.  Geralmente as pessoas passam 30,40,50 anos agindo da mesma forma e ainda querem resultados diferentes, não se percebem como agentes desses resultados, os paradigmas as impedem de avançar! Percebe por onde você deveria começar?

Você realmente vive o que Deseja?

Somos condicionados a mentir sobre nós mesmos, sobre nossas capacidades, nossa identidade e merecimento. Você está vivendo realmente do jeito que você deseja viver?  Atuamos com programas instalados em nossa mente. Se não mudarmos o programa, não mudamos nada. Seja  interna ou externamente. Aprendemos a tocar piano, aprendemos a nadar, a escovar os dentes, andar, falar, estudar etc. Assim também temos a capacidade de transformar nossos paradigmas. Temos a capacidade de criar novos paradigmas. Eles estão instalados, guardados em nosso inconsciente, por isso se não nos abrirmos às novas experiências que a vida  apresenta,  eles não se alteram, não se transformam, não criamos exatamente nada diferente! O assunto é intenso, fica aqui a dica: Quebre suas barreiras internas! Peça ajuda se for preciso, mas não deixe de avançar!

Pra mudar o comportamento, mude o paradigma.

Esse é o segredo. Temos muito lixo guardado em nosso inconsciente. Se não tratarmos de exonerar esse lixo, não criamos novos paradigmas, não mudamos nossas decisões e ações! Voltando à pergunta inicial dessa postagem, se você acredita que fazer uma sessão individual e à distância com um profissional que você admira não vai dar certo, então você não dará um passo sequer pra agendar uma conversa inicial. Se você aprendeu que estudar, treinar, fazer coaching à distância não é bom, assim será! Confesso pra você que há alguns anos atrás eu tinha essa ideia. Como tenho uma abordagem humanizada, eu achava que perderia essa característica em atendimentos à distância! E hoje, pasmem, 90% dos meus atendimentos são à distância! Cá estou muito feliz com esses resultados. Foi preciso que eu olhasse de frente pra esse padrão mental que eu guardava e que me mantinha convicta, limitada em meus resultados profissionais. O mundo é pequeno pra nós minha gente! Temos muito a evoluir, sentir e fazer! Esse trabalho de base é essencial na busca de performance, na busca de viver com leveza e menos autojulgamento!

Mude paradigmas, se permita!

Você é capaz de mudar seus paradigmas, mas é preciso estar disposto, com muita disciplina e comprometimento com a sua vida! Existe um script detalhado em sua mente que comanda o seu trajeto. Seja o diretor desse script. Decrete novas palavras e frases de ordem. Diz pra sua mente que é você quem manda nela e não ela quem comanda você! Esse script não pode continuar profetizando em sua rotina. Ele não pode continuar dizendo quem você é, o que você pode ou deve fazer, dizer, ser. Altere a rota, altere seus padrões permitindo-se novas atitudes diárias. Somente através de novas experiências diárias você terá contato com novos sentimentos e será capaz de agir diferentemente. Conte comigo nesse caminho. Depois que você começar, não vai mais querer parar!

Com carinho,

Silvana Girardi.

Sem Comentários

Deixe um Comentário